Saiba mais sobre saída de emergência


A saída de emergência é uma estrutura que possibilita a evacuação imediata de pessoas em situação de emergências. Ela é uma rota de fuga para os ocupantes e permite também o acesso de brigadas de emergência e corpo de bombeiros. É um medida de proteção necessária para vários tipos de edificações.


De acordo com a Norma ABNT NBR 9077, que trata de saídas de emergência, os seguintes tipos de edificação devem ter saídas de emergência: residencial, serviços de hospedagem, comercial, varejista, serviços pessoais, serviços profissionais , serviços técnicos, prédios educacionais, locais de reunião públicos, de serviços automotivos , serviços de saúde, industrias , comércios de alto risco e depósitos.




Tipos de saída de emergência: As saídas de emergência podem ser um caminho contínuo e protegido, composto por escadas, portas, passagens externas, balcões, corredores, rampas e escadas. Podendo, inclusive, ser uma combinação desses itens.

Em edifícios verticais, as saídas de emergência são compostas por escadas, que podem ser do tipo não enclausurada, enclausurada, protegida, enclausurada à prova de fumaça e enclausurada pressurizada à prova de fumaça. Seja qual for seu tipo, elas devem ser construídas com material não combustível e resistente ao fogo.


Quantidade: A quantidade de saídas de emergência necessárias em um local varia de acordo com o tipo de uso da edificação, a sua capacidade de ocupação, entre outros fatores e sempre deve ser respeitada a legislação vigente na localidade.

Barra Antipânico: As legislações estaduais e a NBR 9077 indicam os locais onde deve se usar barra antipânico em portas de saída de emergência. A Instrução Técnica 11 de São Paulo indica que: Para as ocupações com capacidade total acima de 100 pessoas, será obrigatória a instalação de barra antipânico nas portas de saídas de emergência, conforme NBR 11785, das salas, das rotas de saída, das portas de comunicação com os acessos às escadas e descarga.

Sinalização de emergência: A sinalização de segurança é fundamental para indicar a presença e localização das saídas de emergência. Além disso, um sistema de iluminação de emergência viabiliza a evacuação segura do imóvel, orientando a direção correta a ser tomada pelos ocupantes do local.




10 visualizações0 comentário